Nosso Conceito:

Nova geração de aditivos
para concreto.

Aditivos à base de nanosílica
estabilizada.

Veja as vantagens dos aditivos da Silicon se comparados a
outros aditivos para o concreto:

Os uso dos aditivos Silicon à base de nanosílica estabilizada, possuem nanosílica, que reage em tamanhos inferiores à Sílica Ativa (Microssílica), isto é, confererindo ao concreto uma melhor coesão e impermeabilidade, além de uma série de benefícios, potencializados se combinados com a Tecnosil Sílica Ativa ou Adsil a sílica ativa em suspensão (líquida) da Tecnosil.

A combinação de Sílica Ativa (Microssílica) e Nanosílica é perfeita para obter um concreto de alta qualidade e durabilidade. É o que demonimamos de Ação Permanente.

BENEFÍCIOS DA AÇÃO PERMAMANETE: Sílica Ativa + Nanosílica

Concretos em estado fresco.

Redução de consumo de cimento mantendo o desempenho desejado;
• Redução do consumo de água (diminuição da relação a/c);
• Possibilita fabricar concretos fluidos com relações a/c extremamente baixas;
• Melhor coesão e trabalhabilidade (em relação ao tempo e qualidade da mistura, ou seja, homogeneidade da massa do concreto);
• Maior controlde do Tempo de Manutenção da mistura (perda de abatimento). Nossos aditivos podem chegar até 4 horas de manutenção sem perder nenhuma das propriedades epecificadas em projeto, tanto no estado fresco, como no estado endurecido;
• Segurança para as Usinas de Concreto, garantindo maior tempo de manutenção do concreton (em média até 4h), sem correr o risco de perda ou redosagem do concreto produzido.

Saiba Mais

Concretos em estado endurecido.

Redução maior da permeabilidade do concreto (diminuição de vazios do concreto: ação da Sílica Ativa combinado com a Nanosílica).
• Aumento maior da resistência mecânica inicial e final dos concretos;
• Maior ganho de módulo de elasticidade desde as primeiras idades;
• Maior durabilidade (carbonatação, ataque dos íons de sulfato, entrada de íons cloreto, etc.).
• Melhor desempenho à abrasão (resistência superficial do concreto);
• Garantia de estabilidade das resistências, ou seja, menor variabilidade do desvio padrão do concreto.

Saiba Mais

O que são os produtos Silicon?

São frutos da combinação de aditivos orgânicos de última geração, polímeros acrílico-carboxílicos, e de nanosílica estabilizada, seu principal diferencial é que são feitos a partir de um único produto, a nanosílica, que se encontra dispersa homogeneamente no aditivo. Isso permite uma perfeita dispersão na massa do concreto.

Por que escolher Nanosílica Silicon?

Resultados bem melhores na aplicação.
Quando você experimenta o P&D (Pesquisa e Desenvolvimento) da Silicon é fácil entender os benefícios dessa nova tecnologia. Ele permite a aplicação de um único aditivo orgânico com a nanosílica incorporada, eliminando todos os problemas de manipulação, baixa eficiência e homogeneização dos outros tipos ‘convencionais’ de nanosílica e de outras adições ao cimento.

Como atua a Nanosílica Silicon?

Composição química: a nanosílica possui a mesma composição química que o quartzo ou que a sílica ativa, é SiO2. A principal diferença em relação ao quartzo é que este é cristalino, enquanto a Sílica Ativa e a nanosílica são amorfas.

Tamanho diferenciado: em relação à sílica ativa, a principal diferença é o tamanho muito inferior da partícula da nanosílica, por exemplo, o tamanho típico das partículas de microssílica está compreendido entre 200 e 1000 nm, já o da nanosílica está entre 3 e 200 nm.

Uma combinação inusitada: essa junção do estado amorfo com o tamanho tão pequeno da partícula da nanosílica faz com que este material se comporte como uma adição ao cimento extremadamente ativa na elaboração da mistura (pasta de cimento), argamassa e concreto.

Reação obtida: a nanosílica reage rapidamente com o hidróxido de cálcio liberado durante a hidratação do cimento, produzindo compostos mineralógicos similares aos que são produzidos pelo próprio cimento, mais concretamente gel CSH (silicato de cálcio hidratado). Diferentemente do gel CSH de origem cimento, a fonte de origem nanosílica tem uma baixa densidade de defeitos nos cristais, produzindo o aumento de novas quantidades de CSH sobre eles, com densidade de defeitos baixa (de acordo com as teorias de cristalização), e, por conseguinte, ótimas propriedades mecânicas.

Top